Grid List

Marcelo Neves, Professor Titular de Direito Público da Faculdade de Direito da UnB, será observador eleitoral na próxima eleição geral da Alemanha, na qual serão definidos o novo parlamento e, por conseguinte, o novo governo parlamentarista alemão.

A Faculdade de Direito recebeu, nas últimas semanas, duas presenças ilustres:

O Núcleo de Direito Setorial e Regulatório da Faculdade de Direito da Universidade de Brasília anuncia a realização do 7º Ciclo de Palestras sobre o tema REGIMES JURÍDICOS SETORIAIS, abordando a prática e o arcabouço regulatório de mineração, energia, hidrovias, antitruste, telecomunicações, políticas de comunicações, arbitragem, indústria criativa, e PD&I. Os seminários serão realizados no prédio da Faculdade de Direito da Universidade de Brasília, no Auditório Joaquim Nabuco de 10 de março de 2017 a 19 de maio de 2017 nos horários e datas indicados no site www.ndsr.org, link "activities". A entrada é franca e limitada à disponibilidade de espaço físico. Não há necessidade de inscrição prévia para comparecimento ao evento.

Viagem de Observador da Eleição Geral da Alemanha

Ferramentas
Tipografia

Marcelo Neves, Professor Titular de Direito Público da Faculdade de Direito da UnB, será observador eleitoral na próxima eleição geral da Alemanha, na qual serão definidos o novo parlamento e, por conseguinte, o novo governo parlamentarista alemão.

Neves foi convidado pelo Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD), juntamente com outros 19 acadêmicos de diversos países (1 americano, 1 chinês, 1 egípcia, 1 espanhol, 2 franceses, 1 grega, 1 holandês,  1 indiana, 1 indonésio, 1 inglês, 1 israelita, 1 japonesa, 1 mexicano, 1 polonesa, 2 russos, 1 turca, 1 ucraniano), pertencentes a universidades e instituições de pesquisa internacionalmente destacadas. O professor da UnB é o único representante da América do Sul a participar da viagem como observador eleitoral, a ocorrer de 15 a 25 de setembro. A eleição será em 24 de setembro. Os observadores visitarão comícios e sessões eleitorais, serão informados do processo de apuração, entrevistarão candidatos, darão entrevistas à imprensa e participarão de discussões públicas sobre a eleição. Poderão também participar da festa de um dos partidos em 24 de setembro, quando do encerramento da eleição.

DAAD Foto2